Publicado no American Journal of Infection Control  [AJIC]

Abr/2013 – Vol.41(4): 286-300 [Dudeck, Margaret A. et al]

“Este relatório é um
resumo do Módulo ‘Dispositivo Associado’ [DA], dos dados coletados pelos hospitais participantes do National Healthcare Safety Network [NHSN] para eventos que ocorreram de janeiro a dezembro de 2011 e relatados ao Centers for Diseases Control and Prevention [CDC] em 01 agosto de 2012. Esse relatório atualiza os dados publicados anteriormente no Módulo DA do NHSN e fornece taxas comparativas atuais. Esse relatório complementa outros relatórios NHSN, incluindo relatórios nacionais e estaduais das taxas específicas padronizadas para as infecções associadas à assistência a saúde [HAIs]. Os dados coletados e analisados pelo NHSN são organizados em três componentes: 1. Segurança do Paciente, 2.  Segurança do Profissional de Saúde e 3. Biovigilância; e usa métodos e definições padronizados de acordo com os protocolos dos módulos específicos. As instituições podem usar os módulos individualmente ou simultaneamente, mas, uma vez selecionados devem ser usados por um período mínimo de um mês calendário para os dados serem incluídos nas análises do CDC. Todas as infecções são classificadas usando as definições padronizadas do CDC, que incluem critérios clínicos e laboratoriais.

–> Os dados coletados são referentes: 1. Infecção Primária da Corrente Sangüínea Associada à Cateter Central [CLABSI], 2. Infecção do trato Urinário Associada à Sonda Vesical de Demora [CAUTI] e Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica [VAP];

–> Os dados coletados provem de pacientes adultos, pediátricos e neonatos, internados em Unidades de Terapia Intensiva e Enfermarias;

–> A utilização do dispositivo [DU] foi calculada como a razão entre dispositivo-dia e paciente-dia para cada tipo de local da instituição e como é uma medida do uso de dispositivos invasivos, constitui um factor de risco extrínseco para HAI. DU pode também servir como um marcador para a gravidade da doença do paciente [isto é, pacientes mais graves são mais susceptíveis de exigir um dispositivo invasivo], o que é reflexo da outra a susceptibilidade à infecção intrínseca.”

[…]

…………………………………………………………………………………………………………………

Importante verificar atentamente as tabelas contendo as taxas de HAI dentro dos percentis apresentados e para cada tipo de UTI/Enfermaria.

Por exemplo, para uma UTI médico-cirúrgica de até 15 leitos, a taxa de VAP no percentil 50% [mediana] é de 0,0 e no percentil 90% é apenas 4,3!!

Colega, não deixe de ler pois é uma possibilidade de comparação com os próprios dados da sua instituição!!

Se você deseja obter o artigo, escreva para katia.costa@abih.net.br

                                                                                                             Kátia Costa

 

Be Sociable, Share!

Tags: , ,

Veja Também:
Fatal error: Call to undefined function related_posts() in /home/httpd/vhosts/abih.net.br/httpdocs/wp-content/themes/gm/single.php on line 52